Mauá rescinde contrato com a FUABC

0
455
[DESCRIÇÃO COMPLETA DA PAUTA.] DATA: XX/XX/2012. LOCAL: XXXXXXX/SP FOTO: DU AMORIM/A2FOTOGRAFIA

Através de nota oficial, a Prefeitura de Mauá informa a rescisão do contrato com a Fundação do ABC (FUABC).

Confira a nota:

A Prefeitura de Mauá informa a descontinuidade do contrato de gestão da Saúde do município com a Fundação do ABC (FUABC). Apesar das diversas tentativas de prorrogação contratual, a FUABC continuava a exercer seu papel de gestora de Saúde em decorrência da impossibilidade da paralisação dos serviços essenciais de atendimento. Agora, a Prefeitura fará um processo de licitação para habilitação de uma nova Organização Social (OS), mas, enquanto isso, a contratação será feita em caráter emergencial, sempre priorizando o bem-estar e a saúde da população mauaense.

Em função da atitude da administração municipal os trabalhadores da Fundação do ABC que atuavam em Mauá marcaram uma assembléia para esta sexta-feira pela manhã em frente à Prefeitura.

Os trabalhadores reclamam que estão sem reajuste salarial há quatro anos e muitos demitidos ainda não receberam as indenizações.

Em nota, a Fundação do ABC afirma que foi surpreendida com a notícia do possível rompimento do contrato para a gestão do Complexo de Saúde de Mauá (Cosam).

A entidade foi comunicada durante reunião realizada na noite desta quinta.

A FUABC afirma ainda que solicitou a apresentação de um plano de desmobilização dos serviços com  o objetivo de evitar o colapso no atendimento da rede pública de saúde, especialmente nos atendimentos nas áreas de urgência e emergência.

E esclarece que não se opõe ao direito do Município de substituir a gestão dos serviços de saúde, desde que seja apresentado previamente o cronograma de pagamento da dívida da Prefeitura de Mauá com a FUABC.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA