Lojistas e consumidores devem ficar alertas no Black Friday e no Natal

0
332

Black Friday e Natal são duas importantes datas para o comércio faturar com as vendas.

Embora o primeiro seja destinado mais para a plataforma eletroeletrônica, no Brasil a comercialização se mistura às promoções de móveis, vestimentas, calçados e até alimentação.

Consolidado em 2010, o evento acontece anualmente toda última sexta-feira de novembro, data próxima da liberação da primeira parcela do décimo-terceiro salário.

A gerente jurídica do Sindilojas (Sindicato dos Lojistas do Comércio de São Paulo) , que representa 30 mil empresas só na capital paulista, Valquíria Furlani, ressalta qual o melhor procedimento para não ter problemas:

 

 

Já o Natal é uma mistura de presentes, religião e sentimento fraterno.

É, de longe, a melhor data do ano para as vendas no comércio em geral.

Valquíria Furlani lembra que o Código de Defesa do Consumidor já tem 29 anos de existência, porém muitos conceitos são equivocados:

 

 

 

É preciso ficar atento porque o fluxo de movimento nos estabelecimentos é muito maior nos dias que antecedem o Natal.

Ela orienta os lojistas a ficarem atentos a como expor os produtos e a fixação de preços, respeitando a legislação, porque a fiscalização se intensifica para avaliar as irregularidades.

Nesse período os lojistas também necessitam de reforço no atendimento.

A gerente jurídica Valquíria Furlani orienta para fazer o treinamento adequado com os novos contratados.

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA