Paulo Serra: Mesmo com pandemia, todas as obras estão em andamento

0
526

Em pleno auge da pandemia do Covid-19, Santo André toca todas as obras que estavam em andamento antes da crise viral que assolou o mundo.

O prefeito Paulo Serra – em entrevista exclusiva à Rádio ABC, nesta quinta (14/05/20), com o comunicador Ricardo Leite – garante que a construção civil também foi afetada com a paralisação, principalmente nos primeiros 15 dias, em que todos tiveram que se adequar à nova realidade.

O chefe do Executivo reconhece que houve um prejuízo e o ritmo não é o mesmo, porque 20% dos funcionários tiveram que ser afastados.

No entanto, segue o cronograma e os prazos possivelmente serão alterados:

 

 

Estão em fase final, as obras das creches do Jardim Santo André, Tamarutaca e Mirante, no Morro do Kibon.

Na Saúde, estão em reforma e ampliação as unidades do Palmares, Vila Luzita, Parque Miami, Faisa e inclusive no Centro Hospitalar Municipal (CHM), onde estão concentrados os casos mais graves do coronavírus.

Além disso, as obras do viaduto Adib Chammas estão dentro do prazo e deverão ser concluídas no segundo semestre.

Paulo Serra disse ainda que a quarentena – que entrou em vigor no dia 23 de março – ajudou o Município a se preparar para enfrentar a invasão desse inimigo desconhecido e invisível.

Rapidamente a Prefeitura iniciou as obras dos Hospitais de Campanha no Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonia e no estádio Bruno Daniel.

O primeiro está próximo de atingir 70% de ocupação.

Hoje está com 60% de leitos ocupados e já atendeu mais de 250 pacientes.

Já o Hospital de Campanha no estádio só terá início quando saturar os leitos no ginásio.

A previsão é de que  os leitos no Bruno Daniel comecem a ser utilizados nesta segunda quinzena de maio.

Um terceiro Hospital de Campanha está sendo erguido na Universidade Federal do ABC.

Segundo o prefeito, “Santo André foi mais rápido do que o vírus”.

Já a flexibilização do comércio vai depender das resoluções do Estado e da União, porque o Supremo Tribunal Federal determinou que os municípios só poderão endurecer as medidas, de acordo com Paulo Serra:

 

 

No caso do rodízio de veículos, que acabou não sendo aprovado pelos prefeitos da região, a decisão de implantar ou não é do município.

Contudo, agora pode ser prejudicial às atividades essenciais como a Saúde.

Para o prefeito de Santo André, não faz sentido aplicar mais uma medida restrititiva nesse momento em que todos já sofrem com o confinamento e a paralisação de serviços.

Serra falou também de aulas virtuais e da atuação do Fundo Social de Solidariedade, presidida pela primeira-dama Ana Carolina Barreto Serra, em prol da comunidade mais carente.

Se você tiver alguma denúncia ou dúvida pode ligar no telefone 0800 019 19 44 ou utilizar o aplicativo Colab.

Mas, se a sua dúvida for sobre o coronavírus e os testes que são aplicados o telefone é 0800 48 48 004.

Acompanhe a entrevista na íntegra pela live na página da Rádio ABC no Facebook:

 

Rádio ABC

Rádio ABCPrefeito Paulo Serra, ao vivo na Rádio ABC, atualiza as informações sobre o combate ao novo coronavírus em Santo André, compartilhe!Powered by Restream https://restream.io/Acompanhe a programação da ABC ao vivo!

Posted by Rádio ABC on Thursday, May 14, 2020

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA