Serra nega estremecimento com Legislativo após agressão à secretária da Saúde

0
898

O prefeito de Santo André, Paulo Serra, do PSDB,  afirmou que a agressão física e moral à secretária da Saúde, Ana Paula Dias,  na quinta-feira passada (24/08/17) na Câmara, é um episódio superado.

O tucano ressaltou também que a secretária está disposta a trabalhar e não existe a possibilidade de  deixar o cargo, como sugeriu o presidente do Legislativo, Almir Cicote:

Paulo Serra esclareceu também que o relacionamento com o Legislativo não está abalado:

Em relação ao vereador Williams Bezerra, do PT, o governo reconheceu que o papel da oposição é reclamar.

Na ocasião a secretária havia ido até à Câmara para explicar o programa QualiSaúde e o fechamento de sete unidades para obras de revitalização e modernização.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA