São Caetano inicia reforma na Emei Helena Musumeci

0
235

A Prefeitura de São Caetano  assinou, na última sexta-feira (09/11/18), a Ordem de Serviço (OS) para reforma da Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) Helena Musumeci, localizada no Bairro Nova Gerti.

É mais uma unidade de ensino contemplada por um amplo programa de reformas implementado pelas Secretarias de Educação (Seeduc), Serviços Urbanos (Sesurb) e Obras e Habitação (Seohab).

Na cerimônia de assinatura da OS, com a presença de secretários, vereadores, professores e munícipes, o prefeito José Auricchio Júnior afirmou que essa reforma é mais um fruto conquistado pelo ajuste de contas feito pela Prefeitura no ano de 2017. “A Prefeitura está em dia com todas as suas obrigações. Em 2018, começamos a realizar investimentos e o biênio 2019 e 2020 deverá ser muito proveitoso, para retomar o caminho de crescimento e desenvolvimento”, afirmou.

No primeiro semestre deste ano, foram entregues à população quatro escolas revitalizadas (Emei Octávio Tegão, EMI Thereza Coan, Emei João Jacob Lorenzini e Emei Fernando Piva), além de uma nova escola (Emei Profa. Telma Silvia de Aguiar Brito), inaugurada em junho. No momento, já estão em processo de revitalização (com obras bem adiantadas) as escolas EMI Maria P. Leandrini, EMEF Dom Benedito P. A. Souza e EMI Marily Chinaglia Bonaparte.

A secretária de Educação, Janice Paulino César, agradeceu o apoio e a compreensão da Associação de Pais e Mestres (APM) e esclareceu que, enquanto a escola está em reforma, os alunos foram transferidos para a EMEF Padre Luiz Capra, no mesmo bairro. “Escolhemos a escola mais próxima. As crianças foram muito bem recebidas lá e estão em um espaço reservado só para elas”.

Maria de Lourdes Silva, secretária de Obras e Habitação, estima em quatro meses o prazo para conclusão da reforma.

Serão realizadas obras de recuperação estrutural e modernização das instalações.

O projeto contempla a remoção da laje da passarela de entrada e execução de nova cobertura em policarbonato, tratamento de trincas e rachaduras em paredes e pisos, adequação de calha de águas pluviais para garantir seu bom funcionamento, execução de impermeabilização em manta asfáltica do telhado e troca parcial de forro de gesso, além da adequação das instalações elétricas.

Foto: Divulgação PMSCS

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA