São Bernardo reforma mais três escolas

0
60

Dando continuidade ao processo de reformas em unidades escolares, a Prefeitura de São Bernardo iniciou nesta terça-feira (04/12/18) a revitalização de mais três EMEBs: Guilherme de Almeida, Mariana Neves Interliche e Irmã Odete Maria Ramos Pinto.

O prefeito Orlando Morando assinou as ordens de serviço em três cerimônias separadas.

Os serviços nos espaços escolares começam imediatamente e têm prazo de conclusão de 60 dias.

Ao todo, já são 13 unidades com trabalhos em execução.

Na EMEB Guilherme de Almeida, na Vila Euro, serão feitos reparos em muro de arrimo, revisão do alambrado de divisa e captação de águas pluviais do fundo das salas de aula.

Além disso, a estrutura terá a substituição do piso do pátio interno e refeitório, reparos no para-raio, pintura interna e substituição das grelhas do pátio externo.

O valor das obras é de R$ 148,8 mil.

Já na EMEB Mariana Neves Interliche, no bairro Assunção, os trabalhos envolvem a revisão dos caixilhos, portões e fechaduras, impermeabilização das calhas de concreto, revisão de telhado e a revisão nas instalações elétricas internas.

O custo das intervenções é de R$ 149,3 mil.

Por sua vez, a EMEB Irmã Odete Maria Ramos Pinto, que possui 1.025 alunos e está localizada na Vila São Pedro, receberá uma revisão de cobertura do térreo e segundo pavimento e substituição de forro da cozinha.

O chefe do Executivo afirmou que as reformas foram definidas por meio de critérios técnicos. “As escolas de São Bernardo passaram muito tempo sem qualquer manutenção. A escolha das unidades que passarão por obras, nesta primeira etapa não foi política e elegemos uma ordem de prioridades e necessidades”, explicou.

Na opinião da secretária de Educação, Silvia Donnini, o principal objetivo das intervenções é o de melhorar o ambiente das escolas. “As reformas contemplam problemas imediatos e ao mesmo tempo fazem as unidades ficarem mais agradáveis e bonitas”, complementou.

A Prefeitura de São Bernardo começou uma força-tarefa em 15 escolas da rede municipal, cujas obras, somadas, devem chegar a R$ 5 milhões.

Os serviços de melhoria incluem manutenção e zeladoria, reformas de telhados, calhas, pintura, reparos elétricos, hidráulicos, entre outros, custeados com recursos municipais.

Na semana passada, as EMEBs Lorenzo Enrico Felice Lorenzetti, na Vila Balneária, Graciliano Ramos, no Rio Grande, José Luiz Jucá e Benedito José de Moraes tiveram o início de suas reformas autorizado pelo prefeito.

Além delas, as escolas Pedro Augusto Gomes Cardim, no Assunção, Arlindo Miguel Teixeira e Francisco Beltran Batistini “Paquito”, ambas no Alvarenga, também entraram no pacote de revitalizações.

As escolas Gonçalves Dias, na Vila Santa Luiza, Professora Alice do Lago Gonçalves Salvador, na Vila Esperança, e Prefeito Aldino Pinotti, no Santa Terezinha foram as primeiras a ter suas ordens de serviço assinadas.

Fotos: Omar Matsumoto/Divulgação PMSBC

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA