São Bernardo consegue R$ 30 mi em recursos por meio da Desenvolve SP

0
74

A Prefeitura de São Bernardo, sob gestão do prefeito Orlando Morando, conquistou nesta segunda-feira (13/11/17) mais um importante avanço que vai melhorar a qualidade de vida da população.

Em audiência com o governador Geraldo Alckmin, no Palácio dos Bandeirantes, Morando obteve o aval de R$ 30 milhões em recursos, por meio da Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP) para a realização de obras de infraestrutura.

De imediato, o prefeito de São Bernardo confirmou que será aberto um levantamento detalhado para verificar os bairros mais necessitados para o recebimento de serviços como a colocação e manutenção de sarjetas, guias, além de pavimentação e outras ações.

Depois deste processo, a Prefeitura vai abrir o processo licitatório para a contratação das empresas e iniciar as intervenções.

“Vamos buscar fazer todo este processo de forma rápida, mas que chegue aos pontos mais importantes da cidade. Meu agradecimento ao governador, porque tem sido um parceiro importante para São Bernardo, uma vez que sob nossa gestão recursos e ações estão chegando, como o Bom Prato, por exemplo”, destacou o prefeito, referindo-se ao fato do município ter conquistado a formalização da chegada do Restaurante Bom Prato, previsto para ser inaugurado no ano que vem.

A assinatura para a liberação dos recursos está prevista entre 60 e 90 dias, mediante a autorização da Secretaria do Tesouro Nacional.

Está condicionada a carência de um ano e o pagamento de todo o recurso para os outros cinco anos subsequentes, com juros subsidiados.

Ao todo, são R$ 21 milhões diretos que serão enviados pelo Desenvolve SP e outros R$ 9 milhões, via FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

O prefeito estima o início das obras dentro do primeiro semestre de 2018.

“A partir de amanhã, o secretário de Finanças da cidade, José Luiz Gavinelli, toma frente de todas as formalizações. É um valor importante, com condições equilibradas para que possamos ajustar o mais necessário em São Bernardo, deixado abandonado por gestões anteriores”, complementou Morando.

Foto: Divulgação Governo de SP

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA