Santo André amplia o acesso para o Festival de Inverno de Paranapiacaba

0
159

Na expectativa de receber 100 mil visitantes e bater o recorde de 82 mil registrado no ano passado, a Prefeitura de Santo André ampliou o acesso para chegar ao 19º Festival de Inverno de Paranapiacaba (FIP), que este ano será realizado nos dois últimos finais de semana de julho: 20 e 21; 27 e 28.

Uma forma de se dirigir ao FIP l é utilizar o trem da CPTM até Rio Grande da Serra, onde há um bolsão de estacionamento para deixar o carro; ou pegar o Expresso Paranapiacaba na Luz ou estação Prefeito Celso Daniel, no centro de Santo André.

De lá até o evento serão colocados 10 ônibus aos sábados e 12 aos domingos.

O estacionamento custará R$ 30 para motos, R$ 45 para veículos, R$ 70 para vans e R$ 150 para ônibus.

O valor inclui o estacionamento, com seguro para o veículo e o serviço de ida até a vila e a volta ao estacionamento, também com seguro para os usuários. 

O prefeito Paulo Serra anunciou ainda oito vans para ajudar no transporte:

 

 

O investimento da Prefeitura será de R$ 350 mil, proveniente da Secretaria de Cultura.

Mas, outros R$ 230 mil virão da iniciativa privada, de empresas como Sesc; Cesare; MRS; Global Veículos, Bosch e Anhanguera.

Além das 50 barracas, uma extensa programação cultural e artística  vai animar a festa para pessoas de todas as idades, inclusive crianças que terão à disposição o Espaço Kids.

Os shows terão 66 artistas e bandas, sendo 42% da região.

São mais de 100 atrações durante os quatro dias de evento.

As novidades ficarão por conta das reformas do relógio e do Museu Castelo, como relata o prefeito Paulo Serra:

 

 

Todas essas informações e a programação completa estarão no site e no aplicativo a partir da próxima semana.

As pessoas podem levar voluntariamente um quilo de alimento não perecível.

Em 2018 foram arrecadados 285 quilos de alimentos.

A segurança será reforçada por policiais militares e civis e guardas civis e ambulâncias do SAMU também estarão a postos para quaisquer ocorrências.

Os visitantes poderão também usar as trilhas para caminhada.

 

 

 

Fotos PSA: Ricardo Trida/Alex Cavanha/Helber Aggio

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA