Ribeirão Pires terá Frente de Trabalho

0
603

Na última sexta-feira, 19/10/18, a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires realizou cerimônia simbólica de assinatura do convênio com o Governo do Estado para implantação do Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego, mais conhecido como Frente de Trabalho, com oportunidades nas atividades de limpeza, conservação e manutenção de órgãos públicos.

Foram disponibilizadas 50 vagas para moradores da Estância, com idades acima de 18 anos e desempregados há mais de um ano.

O Frente de Trabalho é um programa da Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho do Estado – SERT.

“Dentre muitas cidades, Ribeirão Pires foi escolhida para receber este programa e auxiliar dezenas de trabalhadores. Além do auxílio, o bolsista participa de capacitações que o qualificam para o mercado de trabalho atual. É um incentivo para a melhoria da qualidade de vida destes munícipes. Desejamos sucesso a todos os participantes”, afirmou Vinicius Neves, representante da Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho, em discurso durante o evento.

Também estiveram presentes na atividade o coordenador estadual de Políticas de Inserção no Mercado de Trabalho da SERT, Anselmo Raimundo, o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico, César Ferreira, o secretário de Desenvolvimento Regional de Ouro Fino, Jorge Luis de Moraes – Jorginho, o secretário de Cultura, Anderson Grecco, os vereadores Gê do Aliança, Carlinhos Trindade e Arnaldo Sapateiro, entre outras autoridades.

“Esta parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado é uma das ações de incentivo à qualificação profissional de nossos munícipes que estão em busca de uma colocação ou recolocação no mercado de trabalho. Também já trouxemos o programa Time do Emprego e o Programa Estadual de Qualificação Profissional, que ofereceu cursos de técnico em vendas e auxiliar administrativo”, explicou o secretário César Ferreira.

O morador do bairro Parque das Fontes, Luiz Alberto Clemente de Jesus, de 26 anos, foi selecionado para participar da Frente de Trabalho e tem expectativas positivas sobre o futuro. “Estou quase há quatro anos em busca de um emprego. Com este programa eu desejo me qualificar e aumentar as chances de conseguir uma colocação no mercado de trabalho. Não quero parar de estudar. Quero crescer e conquistar um espaço”, declarou.

Foto: Mariana Rodrigues/Divulgação PMRP

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA