Ribeirão Pires reforça ações contra a hepatite

0
161

A Secretaria de Saúde e Higiene da Prefeitura de Ribeirão Pires promove calendário de atividades para reforçar a prevenção à doenças.

Durante o mês de julho, profissionais do Programa ISTs/Aids/Hepatites Virais do município realizaram série de palestras e orientações aos moradores sobre hepatites nas Unidades Básicas de Saúde e na Vila do Doce, durante a Campanha de Intensificação das Testagens para Hepatites B e C, no Julho Amarelo.

No período, os testes da doença também foram reforçados.

Somente entre os dias 16 e 31, foram realizados 127 exames de hepatite C.

De janeiro até o final de julho, a rede municipal de saúde de Ribeirão Pires realizou 1.023 testes gratuitos da doença.

Durante todo o ano, moradores podem realizar exames de hepatite B e C gratuitamente no Centro de Atendimento e Aconselhamento – CTA (Av. Francisco Monteiro, 205 – Centro; seg. a sex. das 7h às 15h) durante todo o ano.

No local estão disponíveis panfletos informativos e preservativos femininos e masculinos, além de gel.

As hepatites são inflamações no fígado.

As virais mais comuns no Brasil são as A, B e C – existem ainda os tipos D e E.

Para hepatite B, há vacina disponível em todas as Unidades de Saúde da rede municipal – para pessoas com até 49 anos.

Como evitar as Hepatites A e E:

  • Utilize água tratada e lave bem os alimentos;
  • Lave as mãos com água e sabão antes de comer e depois de ir ao banheiro;
  • Beba água filtrada ou fervida;
  • Lave bem os alimentos, frutas, verduras e legumes, principalmente quando for comê-los crus;
  • Cozinhe bem mariscos e frutos do mar.

Como evitar as Hepatites B, C e D:

  • Não compartilhe agulhas e seringas e outros para uso de drogas;
  • Não use laminas de barbear ou de depilar de outras pessoas;
  • Use seus próprios instrumentos de manicure e pedicure;
  • Exija Materiais descartáveis para tatuagem, serviços de saúde;
  • Use sempre camisinha;

O Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais é celebrado em 28 de julho. Mais informações podem ser obtidas no CTA pelos telefones 4828-4441/ 4823-4977.

 

Foto: Mariana Rodrigues/divulgação PMRP

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA