Major Olímpio garante: “Bolsonaro não vai acabar com o Bolsa Família”

0
178

Com mais de nove milhões de votos, Major Olímpio, do PSL, será um dos representantes de São Paulo no Senado.

A outra vaga ficou com Mara Gabrilli, do PSDB, que obteve mais de 6,5 milhões de votos.

Major Olímpio, como é conhecido, diz que ficou perplexo com a votação, maior do que a soma dos votos de João Dória e Márcio França na disputa pelo Governo de São Paulo.

Para ele, a população demonstrou nas urnas a insatisfação pela política convencional.

Nesta quarta-feira (10/10/18), Major Olímpio participou do programa Bom Dia ABC com o comunicador Ricardo Leite, e criticou fortemente as pesquisas eleitorais, que mostrava uma quarta posição.

 

 

O senador eleito afirma que as pesquisas induzem os eleitores e são uma farsa.

Como coordenador da campanha do candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, Major Olimpio afirmou que o PSL não tem fundo partidário, enquanto o adversário Fernando Haddad tem R$ 100 milhões à disposição.

Apesar de legal, ele não acha justo usar verba pública para financiar campanhas.

Sobre propostas, garantiu que Bolsonaro não vai acabar com o Bolsa Família como tem sido divulgado.

A idéia é preparar as pessoas para o mercado de trabalho e acabar com as fraudes.

Sérgio Olímpio Gomes, 56 anos, é policial militar e deputado federal desde 2015, mas já atuou na Assembléia Legislativa de São Paulo de 2007 até 2015.

Sempre polêmico, votou a favor do processo de impeachment de Dilma Rousseff e contra o Teto dos Gastos Públicos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA