Grana afirma que empresários do transporte deixaram de pagar R$ 12 milhões em 2016

0
1118

O prefeito  Carlos Grana, do PT, mostrou-se bastante irritado com os empresários de transporte coletivo durante a coletiva que encerrou o processo de transição em Santo André.

Ao ser questionado sobre a licitação que irá definir a empresa que vai assumir as linhas operadas anteriormente pela Expresso Guarará – que entrou em processo de falência – o chefe do Executivo disse que 99% sonegam impostos.

Somente com o ISS (Imposto Sobre Serviços), a dívida gira em torno de R$ 12 milhões neste ano.

Grana explicou que ao tomar conhecimento do processo de falência da Expresso Guarará, foi obrigado a contratar emergencialmente a Suzantur, a única entre as 26 empresas convidadas em condições legais para assumir as linhas.

A empresa de Claudinei Brogliato começou a operar as 15 linhas que percorrem a região da Vila Luzita no dia 8 de outubro passado.

Muitas críticas e suspeitas foram levantadas pela população e principalmente, pela oposição, já que o fato ocorreu em meio a uma disputa eleitoral.

A partir de 8 de outubro, a  Suzantur terá seis meses para operar na cidade e poderá participar da concorrência, que será definida no primeiro ano do governo Paulo Serra.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA