Especialista orienta sobre como usar o 13º salário

0
938

Novembro é um mês muito aguardado pelos trabalhadores brasileiros, afinal é quando as empresas pagam a primeira parcela do 13º salário.

O recebimento do chamado abono natalino transforma-se em personagem principal de reportagens que mostram como os trabalhadores pretendem utilizar esse dinheiro.

E qual seria a melhor forma de utilizar o 13º salário?

Os especialistas concordam: não há uma única forma.

A maneira mais adequada dependerá do momento financeiro do trabalhador, já que as realidades financeiras são muito diferentes.

O consultor  do site de Educação Financeira do Mercantil do Brasil, Carlos Eduardo Costa, vê ao menos três realidades financeiras distintas.

Realidade A:

Pessoas que estão em situação de endividamento com contas e parcelas em atraso, utilizando o limite do cheque especial ou do crédito rotativo do cartão de crédito. Como usar o 13°? Essa é uma oportunidade para controlar as finanças. O valor recebido deverá ser utilizado para o pagamento das contas em atraso. Se o valor recebido não for suficiente para liquidar as dívidas em atraso, deve-se priorizar as que apresentam as maiores taxas de juros como cartão de crédito e cheque especial.

Realidade B:

Pessoas que estão com as contas em dia, mas não possuem nenhuma reserva para emergências. Essa é uma situação de grande risco, pois qualquer ocorrência inesperada pode acarretar um desequilíbrio financeiro. Como usar o 13°? Utilizar os recursos para formar uma reserva financeira. Esse é um dos mais saudáveis hábitos financeiros e se torna ainda mais importante em momentos de instabilidade financeira. Ela funciona como um colchão, capaz de amortecer uma queda inesperada. Sem ferimentos, podemos levantar e continuar nossa caminhada.

 

Realidade C:

Pessoa que estão equilibradas financeiramente e já possuem uma reserva para emergências. Como usar o 13°? Essas pessoas terão um leque maior de possibilidades para 13° salário, podendo usar uma parte para algum tipo de consumo ou para aumentar a sua reserva financeira para emergências. Além disso, podem usar o abono para viabilizar a realização de algum sonho como uma viagem, um curso, a troca do carro. 

Lembre-se: para usar o 13º salário de uma forma favorável para sua vida financeira é importante, antes de tudo, saber qual é a sua realidade.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA