Diadema inicia Operação Natal Seguro nos centros comerciais

0
602

Os clientes de três centros comerciais de Diadema (Centro, Piraporinha e Serraria) poderão fazer suas compras com mais tranquilidade nesta época natalina.

Na tarde desta quarta, 12/12, no Centro, a Prefeitura deu início à Operação Natal Seguro.

Na ocasião equipes da GCM e viaturas saíram da Praça Lauro Michels e realizaram operações policiais ostensivas nos três centros comerciais da cidade.

As ações de reforço de policiamento prosseguem nos centros comerciais desses bairros até o dia 24 de dezembro.

Elas têm como objetivo ampliar a segurança para todas as pessoas que circularão nesses centros comerciais, que recebem mais clientes durante esse período.

“A GCM (Guarda Civil Municipal) vai ampliar o efetivo de GCMs que vão percorrer a região a pé, em viaturas e em motos”, afirma o secretário de Defesa Social, Paulo Fagundes. “O número de rondas também será aumentado, pois o fluxo de pessoas é maior nos centros comerciais nesta época”, diz Fagundes. “Nosso objetivo é aumentar a tranquilidade para comerciantes e população durante o período que antecede o Natal”, afirmou o secretário.

O lançamento da Operação Natal Seguro marca também a ampliação do contato entre a Guarda Civil Municipal, comerciantes e população.

Em 2019, a Prefeitura lançará a Operação Anjos da Lei. “A ideia éfortalecer aproximação do efetivo com a comunidade, que nos fornecerá subsídios para uma atuação eficaz no combate ao crime”, diz o secretário.

De acordo com o secretário Paulo Fagundes, serão destinadas, a cada um das onze regiões da cidade,viaturas da GCM para a prevenção de delitos. “Essa ação, junto com a criação de novo layout para viaturas e uniformes, vai ampliar a percepção de segurança por meio da presença policial”, afirmou o secretário.

A Secretaria de Defesa Social também vai continuar a integração com todos os agentes de segurança que atuam no município (Polícias Civil e Militar), por meio de ações conjuntas e planejamento operacional.

 

Foto: Mauro Pedroso/Divulgação PMD

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA