Defesa Civil pede ajuda da população para prevenir acidentes

0
156

O Homem transformou o mundo e agora sofre consequências como o aquecimento global e o aumento da temperatura média dos oceanos e da camada de ar da superfície terrestre.

Como resultado sofremos com tempestades repentinas e alagamentos dos espaços.

A Defesa Civil trabalha, sobretudo, com a prevenção e proteção da vida humana.

Por isso, o diretor da Defesa Civil de Santo André e coordenador do GT Gestão de Riscos do Consórcio Intermunicipal Grande ABC, Rafael Antonio Teixeira Nunes, e o auxiliar Arthur Caramel estiveram no programa Bom Dia ABC desta segunda-feira (03/12/18), com Ricardo Leite:

 

 

 

O coordenador do Consórcio explica que de certa forma as cidades do ABC têm problemas semelhantes com as enchentes e áreas de risco porque estão situadas na bacia do Tamanduateí.

Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra estão em outra bacia, por isso os riscos são menores.

Mesmo assim, somente com a colaboração da população é possível evitar desastres e acidentes inesperados.

Rafael Nunes afirma que a Defesa Civil conta com informações dos munícipes para evitar ou minimizar os problemas.

Por exemplo, as árvores: são 62 mil somente em Santo André.

A Defesa Civil pode até ajudar o morador, mas é necessário que enviem mensagens com o máximo de informações e detalhes como localização exata e indicação de um responsável.

O canal para reclamação é o telefone 199 de cada cidade.

No caso de alagamentos, a Defesa Civil possui o aplicativo “Alerta ABC” para todas as cidades consorciadas.

Pelo app é possível enviar fotos, que vão facilitar a ação dos profissionais.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA