Consórcio pede ajuda financeira para ações de prevenção às doenças

0
127

Diante de várias endemias que circulam no verão, o Consórcio Intermunicipal Grande ABC convidou a diretora de Imunização da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, Helena Sato, para a assembléia mensal dos prefeitos, nesta terça-feira (11/02/20).

Três doenças merecem maior atenção: o Coronavírus, a dengue e o sarampo.

O Coronavírus está sendo tratado apenas como suspeita, porque não há nenhum caso confirmado no Brasil até o momento.

No entanto, como é um vírus em mutação, não há cura e nem vacina para prevenir a doença.

Por isso, o Ministério da Saúde está tomando as devidas precauções nos indivíduos que estiveram na China no último mês e apresentam sintomas como febre, tosse e problemas respiratórios num período de 14 dias.

A diretora afirma que não há motivo para pânico, pois só há três casos suspeitos no Estado: duas na Capital e uma em Barueri.

Já a dengue é uma realidade que não podemos desprevenir, principalmente a propagação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunia.

No conceito da diretora técnica da Divisão de Dengue do Centro de Vigilância Sanitária da Secretaria Estadual da Saúde, Maria do Carmo Camis, o primeiro alerta é não esquecer de prevenir a dengue:

 

 

Já o sarampo é uma doença que estava controlada há 20 anos e voltou a circular por aqui em 2019.

Helena Sato alerta que as três doenças merecem preocupação da Saúde Pública:

 

 

De acordo com a diretora de imunização, as vacinas são seguras e eficazes.

O Consórcio vai elaborar um relatório de sugestões para entregar ao Ministério da Saúde e Secretaria da Saúde do Estado sobre a situação das doenças citadas no Grande ABC, de acordo o presidente da autarquia e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão.

A idéia é conseguir ajuda financeira para as ações de prevenção às doenças.

Outra preocupação é a invasão de escorpiões.

Em caso de picada, o soro é encontrado  no PS Central de São Bernardo.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA