Começa a 3ª fase da Campanha de Vacinação contra a Gripe

0
321

A terceira e última fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começou nesta segunda-feira (18/0).

A expectativa do Ministério da Saúde é vacinar 36,1 milhões de pessoas em todo o país até 5 de junho, último dia da campanha.

De acordo com o cronograma do Ministério da Saúde, a terceira fase foi dividida em duas etapas: na primeira, que ocorreu até o  domingo (17/05/20), o objetivo é vacinar crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, mães no pós-parto até 45 dias e pessoas com deficiência.

A segunda etapa vai de 18 de maio a 5 de junho.

O público-alvo são pessoas de 55 a 59 anos de idade e professores das escolas públicas e privadas.

De acordo com o Ministério da Saúde, os grupos prioritários para receberem a vacina são aqueles que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda.

Segundo Francieli Fontana, coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI), quem faz parte do público-alvo deve se vacinar, pois está mais suscetível ao agravamento da doença.

“Para a pessoas que fazem parte do grupo-alvo de vacinação, esta é uma vacina importante [se eles não tomarem a vacina], podem adoecer, desenvolver complicações, entre elas, a principal, pneumonias e podem também ir a óbito. Então, é muito importante que as pessoas se vacinem.”

O Ministério da Saúde garante que os estados estão abastecidos com as vacinas necessárias para dar continuidade a campanha.

Segundo a última atualização, mais de 64,8 milhões de doses foram entregues às unidades da federação.

O órgão investiu R$ 1,1 bilhão na aquisição de 79 milhões de doses da vacina para as três fases.

Com essa quantidade, o ministério espera alcançar a meta de vacinar, ao menos, 90% de cada grupo alvo.

A vacina que o Ministério da Saúde disponibiliza gratuitamente na rede de saúde protege contra as três cepas do vírus que mais causa a gripe.

No Brasil, as três mais comuns são os vírus influenza A(H1N1)pdm09, A(H3N2) e Influenza B. De acordo com o Ministério da Saúde, até a Semana Epidemiológica 19 de 2020, que compreende casos com início de sintomas de 29/12/2019 a 09/05/2020, foram registrados o total de 1.420 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Influenza, destes 188 evoluíram a óbito.

O Ministério da Saúde antecipou o início da campanha para março. Normalmente, ocorria em abril.

O objetivo é evitar a sobrecarga do Sistema de Saúde com casos de Covid-19 e Influenza.

Francieli Fontana ressalta que a vacina não protege contra o coronavírus, mas que vai facilitar o diagnóstico entre as duas doenças.

“Essa vacina não protege contra o coronavírus e, sim, contra a Influenza, mas pode auxiliar nos diagnósticos para a Influenza e, com isso, tentar identificar mais rapidamente o coronavírus. Pretendemos proteger a população contra a Influenza e, também, minimizar o impacto sobre os serviços de saúde.”

Em caso de fila, mantenha distância de pelo menos 2 metros dos demais, principalmente os idosos.

E, para mais informações sobre a campanha nacional de vacinação contra a gripe, acesse: saude.gov.br/vacinabrasil.

 

 

SANTO ANDRÉ

 

A partir desta segunda-feira (11), a Prefeitura de Santo André dará início à terceira fase da campanha de vacinação contra gripe. No primeiro momento, o grupo prioritário será composto por crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com deficiência, gestantes e puérperas.

A partir do dia 18 de maio, a terceira fase de vacinação abrangerá também adultos de 55 a 59 anos e professores de escolas públicas e privadas.

Ao procurar um posto de vacinação, é importante levar a carteira de vacinação para o registro.

Para as pessoas que não fazem parte do grupo prioritário, a orientação é que sejam adotadas medidas simples de prevenção para evitar a doença, como higiene do ambiente, etiqueta respiratória (como cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir), lavagem das mãos com água e sabão e uso do álcool em gel. Tais ações podem prevenir não só a gripe, como outras doenças, como a Covid-19.

A campanha nacional de vacinação contra a gripe tem previsão de ser encerrada em 5 de junho.

Postos de vacinação:

(Funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h)

Cesa Cata Preta – Estrada Cata Preta, 810 – Vila João Ramalho

Cesa Jardim Cipreste – Rua Caminho dos Vianas – Jardim Irene

Cesa Palmares – Rua Armando Rocha, 220 – Vila Palmares

Cesa Vila Floresta – Rua Piquerobi, s/n.° – Vila Floresta

Creche Demercindo da Costa Brandão – Rua Custódia, s/n.° – Camilópolis

Creche Ângela Masiero – Rua Franco da Rocha, 155 – Vila Junqueira

Creche Brasil Marques do Amaral – Rua Ariovaldo de Menezes, 25 – Vila Luzita

Creche Elisabete Lilian Picin – Rua Martinópolis, s/n.° – Jardim Cristiane

Creche Heitor Villa Lobos – Rua Lacônia, s/n.° – Capuava 

Creche Maria Ruth – Rua Lopes Trovão s/n.° – Jardim Carla

Creche Monsenhor João do Rego Cavalcanti – Rua Lagoa Santa, s/n.° – Campestre

Creche Nancy Andreoli – Rua Guariba, s/n.º – Recreio da Borda do Campo

Creche Prof. Antônio Oliveira – Rua Cafelândia, s/n.° – Jardim Alvorada

Emeief Arquiteto Estevão de Faria Ribeiro – Rua Luiz G. Pain, s/n.° – Jardim Marek

Emeief Cora Coralina – Rua dos Dominicanos, 1250 – Jardim Santo André

Emeief Darcy Ribeiro Rua Tanganica, 385 – Parque Novo Oratório

Emeief Profª. Elaine Cena Chaves Maia – Rua Petrogrado, s/n.° – Jardim Santo Alberto

Emeief Janusz Kocsak – Rua Santo Anastácio, 293 – Vila Valparaíso

Emeief João de Barros – Rua Londres, 444 – Utinga 

Emeief Machado de Assis – Estrada do Pedroso, 800 – Parque Miami

Emeief Madre Tereza de Calcutá – Rua Pindorama, s/n.° – Parque João Ramalho

Emeief Odylo Costa Filho – Rua Ministro Calógenes, 459 – Vila Guiomar

Emeief Paulo Freire – Rua Tirana, 288 – Vila Matarazzo

Emeief Piero Pollone Comendador – Rua Bocaina, s/n.° – Cidade São Jorge

Emeief Reverendo Oscar Chaves – Rua Carijós, 2286 – Vila Linda

Emeief Salvador dos Santos – Rua Guerra Junqueira, 366 – Vila Humaitá

Emeief Cidade Takasaki – Avenida Guaratinguetá, 661 – Jardim Alzira Franco

Salão da Catedral Nossa Senhora do Carmo – Praça do Carmo, s/n.º – Centro

US Parque Andreense – Rua Ibertioga, s/n.° – Parque Andreense

USF Paranapiacaba – Avenida Ford, s/n.° – Paranapiacaba

Biblioteca Cecília Meireles – Praça Waldemar Soares, s/n.° – Parque das Nações

 

SÃO BERNARDO

A Prefeitura de São Bernardo dará início à imunização de professores e adultos entre 55 e 59 anos, segundo grupo da terceira fase da Campanha Nacional de Imunização contra a Influenza, a partir desta segunda-feira (18/05/20).

A aplicação das doses ocorrerá nas 34 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), das 8h às 17h, até 05/06.

Em atendimento as diretrizes do Ministério da Saúde, esta fase contempla o último grupo prioritário como público alvo.

Até o encerramento da campanha, em 05 de junho, moradores de outras etapas, que ainda não tiverem tomado a vacina, poderão procurar uma UBS para receber a dose, que protege contra os vírus da Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

São eles:  idosos (acima 60 anos), profissionais das forças de segurança e salvamento, pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, caminhoneiros, profissionais de transporte coletivo (motorista e cobrador) e portuários, povos indígenas, crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, pessoas com deficiência, gestantes, puérperas até 45 dias, adultos de 55 a 59 anos de idade e professores das escolas públicas e privadas.

O secretário de Saúde de São Bernardo, Dr. Geraldo Reple Sobrinho, reforça a necessidade da vacinação para evitar que pessoas dos grupos de risco fiquem doentes como forma de prevenção. “Estamos tomando todas as medidas de higiene nas UBSs e garantindo que não haja aglomerações para que as pessoas façam a imunização tranquilas”, observa.

BALANÇO – Desde 23/03, data em que começou a primeira fase da campanha nacional de vacinação, a Prefeitura de São Bernardo vacinou 173.369 mil moradores.

Idosos, trabalhadores da Saúde e indígenas foram os três públicos-alvo que atingiram a meta de 100% de imunização.

A taxa de cobertura vacinal completa no município contra a Influenza está em 65%, de acordo com o último balanço divulgado no dia 13/05. 

Para receber a dose, basta procurar uma das 34 UBSs, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e apresentar carteira de identificação e histórico de vacinação.

Trabalhadores da Saúde e Segurança da rede privada devem portar documento comprovatório de atuação.

No caso dos doentes crônicos, é preciso levar relatório ou receita médica. O endereço das UBSs pode ser consultado no endereço eletrônico https://www.saobernardo.sp.gov.br/onde-ficam-as-unidades-de-saude-ubss.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA