Carreta Mulheres de Peito estaciona em Mauá

0
398

A carreta Mulheres de Peito, do Governo do Estado, estacionou nesta terça-feira (19/11), na cidade de Mauá – localizada na Rua 22 de Novembro, no Centro. A viabilidade do atendimento, exclusivo às mulheres, ocorreu após o ofício protocolado da deputada estadual Carla Morando (PSDB) junto à Secretaria Estadual de Saúde. O equipamento irá realizar exames gratuitos de mamografia na cidade, com cronograma para efetuar cerca de 450 atendimentos.

Carla Morando participou do primeiro dia de atendimento. Atualmente, Mauá conta com uma fila de espera de 2.000 mulheres, que aguardam pelo procedimento. Até o dia 30/11, serão distribuídas 50 senhas por dia para a realização dos exames, durante a semana, e 25 senhas a cada sábado. As mulheres, entre 35 a 49 anos, deverão levar o cartão do SUS, RG e o pedido médico. Para mulheres acima dos 50 anos, não é necessário pedido médico – apenas o cartão do SUS e o RG. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira das 9h às 18h e aos sábados, das 9h às 13h.

“Estou muito feliz em ver a carreta passando por mais uma cidade do Grande ABC. Trazer a Carreta da Mamografia para a região foi uma das minhas prioridades quando assumi o cargo na Assembleia Legislativa. Levar o atendimento significa oferecer às mulheres a possibilidade de identificar diagnóstico precoce do câncer de mama, um tratamento eficaz e até a cura”, salientou a deputada.

 ACEITAÇÃO – A aposentada Rosângela Maria da Silva, 57 anos, aproveitou a oportunidade e correu para realizar o exame. Ela aguardava pelo procedimento desde 2011.  “Assim que fiquei sabendo da Carreta vim correndo para pegar a ficha. Precisamos realizar este exame. Ele é muito importante para a nossa saúde”, disse.

Ao longo da campanha, as mulheres que apresentarem alteração no exame serão convocadas novamente, para a serem submetidas a uma ultrassonografia das mamas. Todos os resultados serão retirados UBS.

COMPROMISSO COM O GRANDE ABC – Além da cidade de Mauá, a Líder do PSDB na Assembleia Legislativa já levou a carreta “Mulheres de Peito” para a cidade de Ribeirão Pires. Entre os dias 5 e 13/11, foram realizados 360 atendimentos. A unidade móvel de atendimento zerou a demanda reprimida, de 120 mulheres na fila de espera, da cidade.

 

Foto: Assessoria Carla Morando

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA