Acadêmicos do Tatuapé leva o bicampeonato do Carnaval de São Paulo

0
1166

Com 270 pontos, a Acadêmicos do Tatuapé é bicampeã do Carnaval 2018 de São Paulo.

A escola de samba da zona Leste só garantiu o título na última nota do último quesito,no critério de desempate mestre-sala e porta-bandeira e harmonia.

Obteve a mesma pontuação da Mocidade Alegre, Mancha Verde e Tom Maior.

Nas cores oficiais azul e branco, a escola contou a história e a beleza do folclore e da cultura do Maranhão na primeira noite de desfile no sambódromo do Anhembi, na madrugada de sábado.

Foi a quinta agremiação a desfilar ao ritmo do raggae,  estilo musical muito popular naquela região.

No ano passado venceu o carnaval paulistano com o enredo “Mãe África Conta a Sua História: do Berço Sagrado da Humanidade à Abençoada Terra do Ouro”.

As escolas Unidos do Peruche e Independente Tricolor foram rebaixadas.

A Acadêmicos do Tucuruvi participou do Carnaval, mas não concorreu nem ao título e nem ao rebaixamento, porque em janeiro teve quase todas as fantasias perdidas no incêndio que ocorreu no barracão.

As cinco primeiras do Grupo Especial e a campeã e vice do Grupo de Acesso voltarão a se exibir na próxima sexta-feira à noite no Desfile das Campeãs.

Veja a classificação final do Carnaval 2018 de São Paulo:

1º Acadêmicos do Tatuapé – 270
2º Mocidade Alegre – 270
3º Mancha Verde – 270
4º Tom Maior – 270
5º Dragões da Real – 269,9
6º Império de Casa Verde – 269,7
7º Gaviões da Fiel – 269,6
8º Rosas de Ouro – 269,6
9º Vila Maria – 269,5
10º Vai-Vai – 269,3
11º X-9 Paulistana – 268,9
12º Acadêmicos do Tucuruvi – 216
13º Unidos do Peruche – 268,4
14º Independente – 267,7

 

Grupo de Acesso

A Águia de Ouro foi a campeã do Grupo de Acesso do carnaval de São Paulo e foi promovida para o Grupo Especial em 2019 ao lado da Colorado do Brás, que ficou em segundo lugar.

A apuração do Grupo de Acesso terminou na noite desta terça-feira.

  1. Águia de Ouro – 270 pontos
  2. Colorado do Brás – 269,9 pontos
  3. Barroca Zona Sul – 269,3 pontos
  4. Nenê de Vila Matilde – 268,9 pontos
  5. Pérola Negra – 268,9 pontos
  6. Leandro de Itaquera – 267,8 pontos
  7. Camisa Verde e Branco – 267,7 pontos
  8. Imperador do Ipiranga – 267,2 pontos

 

A Águia de Ouro, que foi rebaixada ao Grupo de Acesso em 2017, trouxe a história dos povos árabes no Brasil, a partir do enredo “Mercadores de Sonhos”.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA